Chile
a terra dos grandes vinhos

Chile: a terra dos grandes vinhos

[Publicado em 01/03/2018]

Não há nenhum exagero nesta afirmação: o Chile é o país do chamado Novo Mundo mais vocacionado a produzir vinhos de qualidades superiores e emblemáticos. Encravadas entre o Oceano Pacífico e a Cordilheira dos Andes, e tendo ao norte o deserto do Atacama, e ao sul o Continente Antártico, as terras chilenas tiram partido dessas condições físico-climáticas para se tornarem as maiores produtoras de frutas de alta qualidade do planeta. Aí entram também as uvas para o vinho.

Em um conjunto de vales áridos, que dependem da irrigação do degelo da Cordilheira, grandes vinhedos transformam a paisagem e fazem nascer vinhos com grande potencial de qualidade. A inversão térmica, fenômeno que apresenta ao meio-dia um sol escaldante de 40°C e à noite uma temperatura de 20°C, favorece a videira para um leve repouso e, no novo amanhecer, uma fotossíntese potente trabalha pelo nascedouro de uma uva com qualidades não encontradas em outros países da América Latina.

Chile: a terra dos grandes vinhos

Assim, a jovem vitivinicultura chilena, que teve início pelos anos de 1825, firmou-se no mundo com vinhos de excelência. As videiras foram trazidas da França e, em um trabalho lento e constante, os produtores chilenos conseguiram obter caldos de qualidades superiores a um preço honesto. O vinho chileno é o que apresenta a melhor relação custo-benefício do mundo.

Mesmo o mais simples Cabernet Sauvignon tem qualidades que desbancam os seus concorrentes. Hoje o Brasil é o terceiro maior consumidor de vinhos chilenos – estamos somente atrás dos Estados Unidos e da Inglaterra –, tanto que o brasileiro com mais de 40 anos tem orgulho de afirmar que aprendeu a consumir vinhos de qualidade com os chilenos.

Chile: a terra dos grandes vinhos

VALES PRODUTORES

A vitivinicultura no Chile ocorre em distintas áreas. Assim se podem obter diversos tipos de vinhos com tipicidade de cada terroir diferente. Alguns desses vales produzem melhor brancos do que tintos e vice-versa. Assim são conhecidos os vales produtores de vinhos: Elqui, Limarí, Choapa, Aconcagua, Casablanca, Maipo, San Antonio/Leyda, Cachapoal, Colchagua, Curicó, Maule, Itata, Bio Bio e Malleco.

Chile: a terra dos grandes vinhos

Quanto às uvas, a que melhor se adaptou foi a Cabernet Sauvignon, que também corresponde pela maior área cultivada. No início da colonização espanhola, os jesuítas introduziram a uva no país, que era muito popular, mas dificilmente produzia vinhos finos. Com o avanço da moderna enologia, hoje se podem obter grandes vinhos dessa centenária cepa.

No capítulo dos tintos, uma uva ficou sendo emblemática para os chilenos nos últimos 15 anos: desprezada em Bordeaux, a uva Carmenére adaptou-se muito bem ao solo chileno e hoje é responsável por um vinho único, que vem fazendo sucesso em todo o mundo. As demais cepas tintas – Syrah, Pinot noir, merlot, malbec, Carignan e Cabernet Franc – também são responsáveis pela grande diversidade de tintos produzidos no Chile. no caso das brancas, Chardonnay, Sauvignon Blanc, moscatel, riesling e Gewürztraminer dão origem a vinhos extremamente perfumados com excelente acidez.

Chile: a terra dos grandes vinhos

As casas emblemáticas que levam o vinho do Chile para o mundo todo têm importante papel, como a Concha y Toro, que se tornou a marca mais famosa de vinho do mundo. As casas Santa Helena, Santa Carolina, Silva, San Pedro, De martino, morandé, Santa rita, Carta Vieja, Canepa, Torres, Cremaschi Furloti, Undurraga, Alma Viva, matetic, montGras, Luis Felipe Edwards e tantas outras vêm colocando a cada dia que passa o Vinho chileno como um eleito nA preferênciA dos AmAntes de Vinhos de todo o planeta.

Visitar o Chile e desvendar os seus vales é um delicioso exercício para a alma, a hospitalidade é fraternal e nada começa ou termina sem uma garrafa de vinho à mesa! o futuro é muito promissor para os vinhos do Chile, porque eles são ricos, intensos, honestos e têm um preço justo!

Chile: a terra dos grandes vinhos

Post anterior
Nova York é sempre agradável de ser vivida
SULTONATO DE OMÃ
Próximo post
Sultanato de Omã | Emoções, história e paisagens singulares

Nenhum Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

Back
SHARE

Chile: a terra dos grandes vinhos