U River Cruises | cruzeiros fluviais de um jeito descolado

[Publicado em 12/07/2019]

Basta dar um Google para encontrar diferentes significados para o adjetivo “descolado”: “pessoa desenrolada, de bom papo, que tem comportamento sociável”; “pessoa que revela desembaraço e iniciativa”; “pessoa que é descontraída, que fala com todo mundo, divertida e extrovertida”. Pois bem, se você se encaixa, nem que seja só um pouquinho, nesse perfil vai amar as viagens do U River Cruises by Uniworld, que, desde o ano passado, opera por três rios, cinco países e 22 portos europeus.

Nos dois navios da companhia – o The A e o The B –, que têm capacidade para 120 passageiros, impera um clima de absoluta informalidade e descontração. Não é necessário usar roupas formais no jantar – o traje é smart casual –, não há cassinos, teatros ou ambientes suntuosos decorados com obras de arte. Tudo é contemporâneo e funcional nos navios, que arrasam pelos rios da Europa com seus descoladíssimos cascos pretos.

U RIVER CRUISES by Uniworld
O rooftop deck é uma das principais atrações dos navios da companhia: The A e The B (acima)

A bordo, os passageiros podem desfrutar dos dois bares, coffee bar, academia, rooftop deck, discoteca, além de curtir atividades bem diferentes: sessões de ioga no próprio convés, aulas de mixologia e culinária em grupo, e aulas de pintura das paisagens do roteiro acompanhadas de um bom vinho. Baladas temáticas animam as noites, sem falar na Silent Disco, discoteca com headphones individuais e diferentes canais de música para dançar ao som que quiser.

U RIVER CRUISES by Uniworld
Em ambos os navios, impera um clima de absoluta informalidade e descontração

[su_spacer]

O Wi-Fi free permite que toda a comunicação do navio (programação, horários e roteiros das excursões) seja feita via grupos de WhatsApp – nada é impresso. Já os horários são bem flexíveis – o passageiro pode dormir até mais tarde e iniciar o café da manhã até as 10 horas. No restaurante, com serviço de bufê, a culinária é internacional e à base de ingredientes fresquinhos obtidos dos locais visitados.

As excursões nas cidades são mais curtas. A ideia é deixar o máximo de tempo livre para o passageiro explorar novas experiências, como conhecer a proposta culinária de restaurantes famosos, provar drinques em bares da moda ou curtir as melhores baladas. Há ainda opções incluídas no programa, como um passeio de bike à noite ao longo do Danúbio, um passeio de bicicleta diurno em Frankfurt, um cruzeiro pelo canal de Amsterdã, degustação de cervejas, caminhadas pelas vinhas, visitas a castelos…

U RIVER CRUISES by Uniworld
Como nos outros ambientes, a decoração dos restaurantes e bares tem design contemporâneo

[su_spacer]

Para complementar a viagem, a companhia oferece as chamadas U Time, excursões adicionais pagas à parte. Um exemplo é o Rock me Amadeus, que leva os passageiros até o Albert Hall, na capital da música clássica, Viena, para uma experiência incrível com música de Mozart, Strauss e outros grandes compositores.

ITINERÁRIOS

A proposta dos itinerários é levar os passageiros até os principais destinos e portos da Holanda, Alemanha, Áustria, Hungria e Eslováquia. O cruzeiro Rolling on the Rhine (de Amsterdã a Frankfurt), por exemplo, visita Amsterdã, Düsseldorf, Colônia, Koblenz e Frankfurt em oito dias. Outro roteiro de oito dias, The Danube Flow, percorre Regensburg, Passau, Linz, Melk, Viena, Bratislava e Budapeste. Para 2020, a novidade é o cruzeiro Amsterdam & Brussels Bound, com passagens por Amsterdã, Roterdã, Middelburg, Ghent, Antuérpia e Bruxelas. Há outras opções que se encaixam no estilo de viagem. Faltou dizer que os cruzeiros são ótimos tanto para quem viaja em grupo, como sozinho, além de casais.

The A, U RIVER CRUISES by Uniworld
São 22 portos europeus visitados pelos navios The A (acima) e The B, entre eles Colônia

[su_spacer]